qa4
Ambientación
Historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro, historia del foro,
1
2
3
4
5
6

Início do Ano Letivo.

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Início do Ano Letivo.



Primeiro dia do Ano Letivo.

Os grandes portões do Norfoy Academy foram abertos naquela manhã. O ano letivo estava começando. Dois altos e fortes seguranças foram colocados em cada lado dos portões, para a impedir a entrada de qualquer um que não pertencesse a escola.
Os alunos estavam eufóricos com a perspectiva do início das aulas. Amigos estavam se revendo, namorados se reencontrando, tudo indicava que aquele ano seria ótimo. E de fato seria.
Todos estavam felizes, conversando animadamente quando uma voz soou por todo o campus. Os portões foram fechados e as portas do auditório, abertas.
"Todos os alunos, por favor, dirigam-se ao auditório imediatamente."
Um por um, os estudantes seguiram até o local, sentando-se nas cadeiras vagas do enorme auditório. Quando estavam todos sentados quando os professores entraram e subiram ao palco, posiciando-se em frente aos alunos. Haviam cerca de 6 deles, todos enfileirados um do lado do outro.
A primeira, Amélia, uma mulher loira com um vestido vermelho indo até os joelhos, deu um passo a frente, dizendo em voz alta para que todo o auditório ouvisse.
"Há mais de 500 anos, nós nos reunimos afim de propor uma trégua entre as espécies."
A  mulher ao seu lado, morena com um vestido azul que, assim como Amélia, deu um passo a frente.
"O único motivo que levou a isso era simples: a auto-preservação." afirmou Ellie.
A terceira mulher, diferente das outras duas, trajava um jeans apertado e uma camiseta cinza e, com uma expressão superior no rosto, Cassie continuou o que era contado.
"Desde a Idade Média as espécies estavam sendo caçadas e executadas a sangue frio."
O próximo da fila era um homem, moreno com adoráveis cabelos cacheados, Rhys usava um suéter vermelho escuro e jeans escuros.
"Os Caçadores, humanos cruéis e insensíveis que sabiam da existência de outras espécies, caçavam e ainda caçam os seres sobrenaturais, pondo assim, nossa existência em risco."
Cassie tornou a falar, com a mesma expressão de antes.
"Decidir o que íriamos fazer e entrar em um consenso quanto a isso foi algo realmente complicado."
Dessa vez, quem se pronunciou fora Draco, um homem alto e extremamente forte, usando uma camiseta preta e jeans azuis.
"Mas finalmente uma decisão foi tomada."
Uma voz doce tomou conta do lugar, a morena antes de Draco falou pela primeira vez, fazendo todos olharem para ela.
"Seria criado um local onde pudessemos estar seguros."
Ellie sorriu, falando pela segunda vez naquele dia.
"Algo maior que qualquer coisa que já tivemos."
Rhys deu mais um passo a frente.
"Seria criado uma escola."
A morena, Sweet, sorriu, pocionando-se ao lado do Mago.
"Onde, além de estarmos seguros, estariamos com nossas espécies, nossas famílias e nossos amigos."
Draco tomou a palavra novamente.
"Onde todos aprendessem mais do que apenas o necessário para a sobrevivência."
A diretora deu dois passos a frente, um sorriso tomando conta de seu rosto ao se dirigir para todos os alunos.
"Sejam bem-vindos ao Norfoy Academy, o futuro lar de cada um de vocês."

Recomendações:
✖ Todos estão livres para postar o que quiser, seguindo as regras e o bom-senso.
✖ Serão as postagens aqui que definirão a respeito dos dormitórios.
✖ As aulas serão postadas até dia 27/04.
✖ Lembrando que os Caçadores não sabem da existência do colégio, portanto, os mesmos não podem postar aqui.
✖ Tópico aberto.
Norfoy Academy






"E se um dia nossas ideias tivessem vida própria? E se um dia nossos sonhos não precisassem mais de nós? Quando isso for verdade, o tempo estará acima de nós. O tempo dos anjos."

Mensagem por Abigail em Sex Abr 25, 2014 9:06 pm

avatar
Corpo Docente.
Corpo Docente.

Mensagens : 82
Data de inscrição : 08/04/2014

Ver perfil do usuário http://norfoyacademy.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Apesar de todo o tempo em que estava viva, ou melhor, sobrevivendo, Rebecca nunca se acostumaria com as incríveis mudanças que Londres tinha presenciado com o passar dos anos, mas ela também tinha mudado muito, não via mais o mundo da mesma maneira que antigamente.
Mas, ás vezes, tinha a necessidade de voltar para sua vida antiga. Como fazia agora.
A morena estava em frente ao lugar que costumava ser a Mansão dos Foster, que tinha sido demolida há 30 anos para construir um amontoado de casas. A mercearia onde Nicholas costumava a trabalhar agora dava espaço a uma famosa loja de roupas, tudo tinha mudado, exceto o local onde Rebecca tinha sido morta. O beco permanecia lá.
Cansada de ver aquele lugar deplorável, a Foster deu a volta e continuou seu caminho até o hotel que ficava hospedada durante as férias. Todas as coisas da vampira estavam prontas e em breve ela voltaria para a escola, poderia ver seus amigos e estar com eles em outro ótimo ano. Estava cansada de fugir de Caçadores e fingir ser humana.
☩☩☩
Mesmo dentro do táxi, Rebecca não pode segurar seu sorriso ao ver os grandes portões do Norfoy. E quase desceu do táxi, correndo em sua velocidade desumana, mas sabia que não poderia fazer isso, infelizmente.
Quando finalmente o táxi parou, a vampira simplesmente o pagou e pegou suas coisas, andando apressadamente até cruzar as fronteiras do colégio.
Procurou por entre as centenas de rostos algum conhecido, mas ao que parece, nenhum dos seus amigos tinha chegado ainda. Caminhando um pouco mais, reconheceu alguém.
Rebecca conheceria aquelas costas largas em qualquer lugar, ainda mais depois de tantas aulas de natação. Correndo por entre os alunos e professores, a vampira chegou até Gregory e pulou nas costas do amigo, com um sorriso no seu rosto.

Mensagem por Rebecca Webb Foster em Sex Abr 25, 2014 11:28 pm

avatar
Vampiros
Vampiros

Mensagens : 13
Data de inscrição : 15/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.





De Volta
Para Casa

Pode-se  dizer que eu tinha evoluído bastante desde ano passado até ali. Minha mudança tinha sido de um licantropo completamente controlado pela raiva e sede de vingança; para um lobinho mansinho adorador de coelhinhos fofos... só que não. Ainda pensava em me vingar, mas esse era um processo lento e que eu jogava para o canto mais profundo e esquecido da minha mente, não podia deixar aquilo controlar minha vida.

Balancei a cabeça , como se pudesse afastar tais pensamentos assim, e suspirei baixinho.  Estava a caminho do lugar que considerava minha casa, da janela do carro de meu tio já podia ver os portões enormes e imponentes da Academia Norfoy. A despedida dos meus familiares foi a mesma do ano anterior, apenas deixei que as pessoas encarregadas das bagagens pegassem minha coisas no carro, desejei uma boa viagem de volta para meus tios e virei as costas. Nada de beijos e abraços melosos como via alguns ali fazendo.

A primeira coisa que pensei ao pisar dentro da academia foi: “Esse ano promete”. O lugar não tinha mudado em nada, mas meus instintos diziam que aquele ano seria completamente diferente e foi nesse mesmo lugar que aprendi a não ignorar meus instintos.  Passei por algumas pessoas conhecidas, mas nem uma era realmente um amigo, por tanto, no meu ponto de vista não era preciso cumprimentá-las.  Rodei praticamente o local inteiro, mas até o momento não tinha achado ninguém da “Gangue”. Passei as mãos nos cabelos, ato que fazia sempre que estava nervoso ou ansioso, até que minha narinas detectam algo...um cheiro peculiar e que eu seria capaz de reconhecer a quilômetros de distancia, era o perfume de Rebecca Foster, uma de minhas amigas. Escutei passos rápidos atrás de mim e com um sorriso torto, me preparei para o que vinha pela frente.

Não foi com surpresa nem uma que recebi um fardo a mais nas minhas costas, ainda assim dei alguns para frente tentando me equilibrar, segurei as coxas de Rebacca dando suporte para que ela continuasse nas minhas costas e ri baixinho antes de me pronunciar – Vai com calma, criatura. Assim você me quebra – Virei a cabeça de um modo que pudesse ver um pouco seu rosto e beijar sua bochecha – Como foram as férias? Se divertiu bastante nos bares da vida? - Comecei a caminhar, afinal, ainda precisávamos achar os outros, para ai sim poder entrar na palestra monótona de todo início de ano – Você consegue ver a Alaska dai? Ela disse que iria chegar cedo e que iria me encontrar aqui, mas até agora nada. – Comentei  fazendo biquinho, pois estava com muitas saudades da moça de cabelos ruivos.


✖ tks, clumsy!

Mensagem por Gregory D. Pallas em Sab Abr 26, 2014 2:04 am

avatar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 13
Data de inscrição : 16/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Light a Cigarette
A
li estava, presa sobre o caos da sua própria mente, em uma insanidade perturbante. “Você acaba com a sanidade de qualquer um”, dissera uma voz familiar, “Você é a pessoa mais egoísta que já conheci”. Ela jogou aquilo para o longe, o suficiente para que seu antigo superior estivesse embolado por entre as memorias proibidas, aqueles que não devem ser lembradas.
Sorriu para si mesma, disse que estava bem, que tudo voltaria a ficar bem. Adentrou o grande auditório, com sua postura superior que caia por entre os olhares desconhecidos daqueles que recém chegaram ao instituto. Percorreu seu caminho com determinação, até encontrar duas figuras reconhecíveis ao meio da multidão.
Eles caminhavam na direção oposta, pareciam envolvidos em alguma conversa paralela, como sempre. Alaska sentiu uma pequena pitada de ciumes, porém a escondeu, pois era um sentimento egoísta e nem um pouco útil. Um sorriu lhe surgiu sobre o rosto pálido e logo suas pernas estavam em pleno movimento.
Abraçou Gregory e Rebecca com toda força que conseguiu encontrar, o que era de fato muito grande. Automaticamente, a tristeza que antes parecia reinar em seu coração, tornou-se um pó dourado e cintilante, que logo transformou-se na melhor sensação que já sentira em sua vida, a sensação de estar em casa.
- Que saudade- Falou rapidamente- Vocês não sabem como foi um inferno passar esse tempo longe daqui.

Mensagem por Alaska Boulever Frën em Sab Abr 26, 2014 2:55 am

avatar
Vampiros
Vampiros

Mensagens : 10
Data de inscrição : 15/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

And back again...
Os últimos dias estavam sendo bem difíceis, a única coisa legal que fazia era destruir a mente de caçadores quando um deles representava um ameaça - e já estava desobedecendo regras. Por ele sairia atrás de todos até que toda a maldita raça estivesse erradicada.
✖ ✖ ✖
Kyle não podia mentir dizendo que não estava especialmente agitado naquele dia, não conseguia decidir se estava feliz ou com raiva pelo início do ano letivo. Pensava em várias coisas ao mesmo tempo enquanto passava pelos portões de Norfoy. Tentou usar seus poderes para saber se havia algum amigo ali... De fato a agitação estaria conturbando sua mente. Para que dois seguranças na entrada da academia? Como se uma caçador fosse descobrir o colégio no exato dia do início do ano letivo... Muita pouca probabilidade.
Procurou Alaska, Rebecca, Gregory ou qualquer outra, mas sabia que não conseguiria no meio de toda aquela muvuca.
Nessa hora, conseguiu 'encontrar' a mente de alguns deles. As vantagens de ter amigos doidos.
Andou calmamente até o lugar onde se encontravam, fazendo um sorriso e falando:
-Oi povão. Sabiam que torturar caçadores é legal? Vocês deviam tentar algum dia desses...

© rufo from tpo

Mensagem por Kyle B. Frost em Sab Abr 26, 2014 9:17 pm

avatar
Telepatas
Telepatas

Mensagens : 2
Data de inscrição : 16/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.


First Day.


Helena já não sabia que era mesmo uma boa ideia ter vindo para essa escola.
Ela era linda, isso era um fato, mas ao que parece, todos ali já se conheciam e alguns eram grandes amigos. E ela? Não conhecia ninguém, só a diretora da escola, mas não faria muitos amigos desse jeito, certo?  
Após se despedir do seu pai, evitando pensar no tempo que ficaria longe dele, Helena entrou pelo portão, constatando que o colégio não era tão vazio quanto ela imaginou.
Por algum tempo, andou por entre os alunos até o aviso de que todos deveriam seguir até o auditório fosse dado. Uma vez lá, sentou-se em qualquer uma das cadeiras e ouviu o que era dito, prestando extrema atenção.
Quando os professores terminaram, voltou-se para o campus, esperando por mais instruções, ou até, na esperança de fazer um amigo.
[...]



Post: 001 ✖  Notes: Lost ✖ With: Alone  ✖ Where: Inglaterra.

Mensagem por Helena Morgenstern em Sab Abr 26, 2014 11:18 pm

avatar
Telepatas
Telepatas

Mensagens : 8
Data de inscrição : 23/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Dormitórios.
Alaska e Rebecca - V01.
Gregory - L01.
Kyle e Helena - T01.
Os dormitórios serão postados em breve.




"E se um dia nossas ideias tivessem vida própria? E se um dia nossos sonhos não precisassem mais de nós? Quando isso for verdade, o tempo estará acima de nós. O tempo dos anjos."

Mensagem por Abigail em Sab Abr 26, 2014 11:20 pm

avatar
Corpo Docente.
Corpo Docente.

Mensagens : 82
Data de inscrição : 08/04/2014

Ver perfil do usuário http://norfoyacademy.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Norfoy... casa nova?
LOCAL ♯ Norfoy

COM ♯ Meus humildes pensamentos.

VESTINDO ♯ Isso aqui (clica)

NOTE ♯ Sejamos bem vindos ao inferno...
Ah, então essa é a "famosa" Norfoy que Amy tanto falou e acabou por me obrigando a residir? Sejamos sinceros, ela só me queria ali para poder me vigiar e sendo diretora com toda a certeza não teria dificuldade nenhuma de fazer isso, mas posso afirmar que espera mais de um lugar feito para seres " especiais". Senti um sorriso maroto surgir em meus lábios quando o pensamento de como seria minha vida ali se todos soubesse de quem eu era filha... Okay, será extremamente divertido ver a cara dos desconhecidos quando ela adentrasse no auditório onde uma "grande festas" de inicio das aulas estava acontecendo. Eu estava pronta....Não, eu nasci pronta e agora era a minha vez de mostrar para minha querida mamãe e para quem mais quisesse ver quem era Beatrize Wolffenbuetell.

----  ♯ ♯ ----

A porta foi aberta e entrei. O barulho de meu salto ecoava pelo local perante as minhas passadas firmes e os olhos dos curiosos caiam sobre mim como se já era de esperar, tirei os fones de ouvido enquanto terceiros desviavam do meu caminho ao perceber até onde eu pretendia chegar. Meus olhos alcançaram Amélia e com um sorriso zombeteiro e um ar de superioridade falsa parei a alguns passos dela:

- Como você desejava aqui estou... - Minhas mãos apontaram para o meu corpo e olhei em volta antes de terminar minha frase - Mamãe.

Sem sair do lugar percorri com os olhos o local fazendo um reconhecimento geral. Um grupinho em um canto estava formado, duas garotas e dois rapazes, o primeiro tinha uma das garotas nas costas. Que fique entre nós... Ele é bem gatinho e talvez entre para a minha lista... haha.

Lis @DG



Mensagem por Bree Wolffenbuetell em Qua Abr 30, 2014 10:21 pm

avatar
Nephilins
Nephilins

Mensagens : 6
Data de inscrição : 23/04/2014
Idade : 21

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.





De Volta
Para Casa

Estava começando a suspeitar do poder que minhas fases tinham, pois assim que pronuncie o nome de um dos seres, no caso a Alaska, a mesma apareceu como se estivesse sendo invocada. Ela recepcionou Rebecca e eu com um abraço, então comentou o quanto estava com saudades nossas e da Academia. Acho que era meio impossível não sentir falta daquele lugar, ele tinha um ar acolhedor e é claro, era nele que eu encontrava as pessoas que eu considerava minha família.  

Kyle chegou logo em seguida com o seu mesmo jeito psicopata de antes, mas devo admitir que gostava daquilo nele. Sua sede por sangue de caçador era quase maior do que a minha, apesar de nem um dos dois ser vampiro. Soltei uma gargalhada e com alegria respondi a pergunta do telepata – É claro que eu sabia e, particularmente, acho que não tem coisa melhor no mundo do que escutar o grito de dor de um caçador... – Fui impedido de continuar o que estava falando por conta de um barulho de salto alto, que ecoou por todo auditório, chamando a atenção de todos, e irritou um pouco meus ouvidos sensíveis.  

Todas as cabeças se viraram para pessoa que causava o barulho, era uma garota, esta se dirigia até a bancada aonde se encontravam os professores. Seus passos e sua postura demonstravam segurança. Seu estilo e algumas marcas pretas (tatuagens talvez?) em sua pele “exalavam” rebeldia.  A garota se postou enfrente a diretora da escola, que até então parecia sem reação, e falou alguma coisa. Mesmo de longe consegui acompanhar o que a bela moça desconhecida dizia e não esperava pela frase final. Ela tinha mesmo chamado a Amélia de mamãe? Será que isso era mesmo verdade? E se fosse, por que ninguém parecia saber sobre a garota?

Algumas pessoas olharam para a diretora, esperando alguma reação ou explicação, mas eu mantive meus olhos grudados na mais jovem. Ela tinha alguns traços parecidos com os de Amélia, sem contar os cabelos.  Foi então que eu percebi que a garota também me examinava, corei um pouco ao perceber o sorriso em seus lábios, mas o retribui do mesmo modo...só que tentando disfarçar um pouco, afinal, sabia o quando Rebecca e Alaska eram ciumentas e não seria nem um pouco legal se elas vissem aquela troca.

✖ tks, clumsy!

Mensagem por Gregory D. Pallas em Qua Abr 30, 2014 11:32 pm

avatar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 13
Data de inscrição : 16/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Die Slow!
Broken glass, your fake reflection!


Depois de passar alguns dias naquela cidade, estava decido em encontrar a tal escola, Norfoy, que a vampira havia comentado aquela noite no beco. Olhei para os lados freneticamente procurando por alguém que provavelmente saberia como encontrar, então do outro lado da rua vi uma garota com mochilas e malas, tinha o cabelo escuro escorrendo por seus ombros largos, usava um óculos com a armação toda preta, era uma jovem muito linda, e nada comum, pude perceber que não era apenas uma humana e que como eu também estaria a fim de encontrar Norfoy, ou então ela já soubesse onde ficava. Entrou num taxi e saiu, assim fiz com logo parasse outro, entrei no mesmo e apontei o carro que ela estava, e disse ao motorista para segui-lo, ele assentiu me olhando indiferente por causa da minha voz mas começou a conduzir o carro.

Meia hora mais tarde, avistamos uma enorme e bela construção no meio do nada, a garota logo a frente desceu do carro e entrou no local, o motorista me olhou esperando pelo seu dinheiro, suspirei e balancei a cabeça enquanto minha mão já estava dentro de seu peito agarrando seu coração, então a tirei trazendo o mesmo comigo, deixei o coração do velho em seu colo, limpei a mão no estofado do carro e então segui para dentro daquele lugar. Os enormes seguranças que estavam no portão me encaravam friamente por ser, acho que o único sem uma mochila e malas, mas não me impediram de entrar, segui os outros jovens adentrando a construção, indo até uma sala, onde parecia mais com um auditório, era grande e parecia que todo mundo estava ali, algumas gostosas falavam em cima de um palco, então descobri que já estava em norfoy, era bom que aquele lugar não precisasse de uma matrícula, ou teria que viver ali escondido, isso se conseguisse me esconder de tanta gente estranha, afinal, como qualquer um não queria ser a caça dos tais caçadores.

Mensagem por Will Lannister em Qui Maio 01, 2014 5:10 pm

avatar
Demônios
Demônios

Mensagens : 9
Data de inscrição : 26/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Welcome to the new age, to the age...A música radioactive não saia da minha mente em todo o caminho até minha nova escola. Minha tia Belinda não queria que eu fosse sozinha em toda a viagem de Dallas para cá, então decidi que Tyler, meu melhor amigo e anjo, me acompanhasse, já que era uma aluno antigo.
O onibus para e descemos.
- Queria poder voar aqui, chegariamos mais rápido. - comenta Tyler.
Mal pude responder, absorta na música e agarrada com meu caderno de pequenos feitiços. Estava tão avoada que não percebi que ele pegou minhas malas e nos direcionou a um ponto de táxi.
Em poucos minutos estavamos na escola Norfoy. Percebi que era ela pela atmosfera do local e de uma cena não tão comum para humanos. Um garoto tirara o coração de um homem inocente.
"Humanos me assustam, repita isso Eva"
- Humanos me assustam.
- Falou alguma coisa? - Tyler já estava fora do táxi, assim como eu. - Acorda Evalyn e bem-vinda.
Ele beija minha testa e diz:
- Nos vemos depois, faça novas amizades e não arrume confusão.
Sorri e caminhei em frente. Aquele garoto me chamava atenção e não podia deixar de ao menos descobrir seu nome. Fui ate ele.
- Oi, er...posso saber qual o seu nome? Sou novata aqui e seria bom ter pelo menos um nome conhecido na cabeça.
Sorri. "Please, fale seu nome"
O auditório estava relativamente cheio e tudo o que deveria ser regra foi dito, mas mal escutei. Queria a resposta do garoto.

Mensagem por Evalyn B. Wheeler em Sab Maio 03, 2014 10:02 pm

avatar
Bruxas
Bruxas

Mensagens : 46
Data de inscrição : 10/04/2014
Idade : 21

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Die Slow!
Broken glass, your fake reflection!


Aquele lugar tava ficando cada vez mais entediante, alguns alunos mais velhos que passavam por mim, me olhavam de forma estranha, acho que tentando se lembrar se já havia estudado ali. Coloquei as mãos no bolso da calça e fiquei olhando as mulheres que falavam no palco, e nossa, como mulheres tão gatas falavam tanto? Chegava até ser assustador. Fiquei pensando no que fazer se conseguisse ser um dos alunos ali daquela escola, se teria que ser legal com os outros, se deveria matar alguns sorrateiramente, e aliás, onde eu ficar naquele lugar? Devia ter os dormitórios né? O jeito era invadir qualquer um e ficar.
Meus pensamentos foram interrompidos por uma voz doce, suave, era tão fofa que lembrava uma adolescente inocente. E adolescentes inocentes eram os meus alvos prediletos. Virei o rosto e vi uma perfeição imensa, sobre um corpo lindo e os cabelos loiros na altura dos ombros, não era nem perto uma adolescente, aquilo já era uma mulher, e que mulher. Olhei pra ela com cara de tédio, que perguntou meu nome, pra falar a verdade uma amizade naquele local não seria nada mal, suspirei revirando os olhos:
- Will, não que isso te importe....
Não sabia o que dizer ao certo, mas achasse ruim a minha resposta, ia achar pior a minha reação, apenas voltei a cruzar os braços, encostando em um grande pilar logo atrás de mim, a olhando.

Mensagem por Will Lannister em Dom Maio 04, 2014 11:01 pm

avatar
Demônios
Demônios

Mensagens : 9
Data de inscrição : 26/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

"Demónio". Vi de cara que ele era um. Eles não demonstram muito bem as emoções, se tiverem alguns sentimento ainda. Ele me olhava de início comi se eu fosse a mulher maus inocente do mundo. Queria mudar esse pensamento das pessoas sobre mim.
Fiquei de frente a ele, brincando com uma mecha dr cabelo.
- Nomes tem poder. Meu nome é Evalyn, e só uma informação adicional: tenho 17 anos, ok?
Alguns reacao?
-Vi o que fez com o taxista. Sabia que existe formas menos acusadoras e rápidas de ser matar alguém? Se não, posso lhe ensinar, Will.
Ele ntendia melhor daquele assunto que eu, mas queria prolongar a conversa.

Mensagem por Evalyn B. Wheeler em Seg Maio 05, 2014 2:04 am

avatar
Bruxas
Bruxas

Mensagens : 46
Data de inscrição : 10/04/2014
Idade : 21

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Die Slow!
Broken glass, your fake reflection!


Fitei a garota, parecia que gostava de falar porque nossa, a cada segundo que abria a boca saía tantas palavras que chegava a ficar perdido. Vi dois alunos sentados que me encaravam indiferentes, acho que notaram que eu não era um aluno daquele lugar, eram altos e fortes fisicamente, esperava que só fisicamente, pois pelo jeito que me olhavam parecia que não sairia 'vivo' daquela sala. Suspirei tentando manter a calma, olhando ao redor, vi a alguns metros uma garota morena que me chamou a atenção e então percebi que era a mesma garota que havia encontrado no beco, a vampira. Ficar ali estava parecendo muito mais arriscado do que perambular pelas ruas fugindo de caçadores.
Voltei minha atenção para a loira ao meu lado, arqueei a sobrancelha a encarando, revirei os olhos e mexi a cabeça estralando os ossos do pescoço:
- E o que você é exatamente pra achar que pode ensinar alguém como eu a matar?
Me segurei para não arrancar a cabeça da garota ali naquela instante, respirei fundo me acalmando, afinal não costumava ser tão calmo com as pessoas como estava sendo naquele momento.

Mensagem por Will Lannister em Ter Maio 06, 2014 2:59 am

avatar
Demônios
Demônios

Mensagens : 9
Data de inscrição : 26/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.


I'm not crazy, I'm just a little unwell. And I know, right know you don't care. But stay while and then maybe you see...
             

I'm not crazy

 Ele estava cada vez mais ignorante, mas...não liguei. Se tem um coisa que aprendi com a vida é manter a calma, principalmente quando tem um demônio na sua frente prestes a te estrangular.
- Eu sou uma simples bruxa, não faço nada demais, mas sei como matar alguém, mesmo que eu ache isso um pouco...desnecessário. Só que quis te dar uma informação, mesmo que não precisasse.
Sorri e menti a voz do jeito mais doce possível. Do meu jeito. Eu não devia ser sanguinária com meus semelhantes. Devia guardar isso para os caçadores.
Tinha que me manter falando coisas que lhe interessassem, pois sentia que ele não queria minha presença, mas aquela era minha única opção no momento. E, apesar de ignorante, ele parecia legal.
- Então, demônio, qual sua cota de mortos até o dia de hoje?
Dei um sorrisinho sarcástico, brincando com seu jeito.    

Onde: Auditorio Com: Will Ouvindo: Barulho, muito barulho

                     

Mensagem por Evalyn B. Wheeler em Ter Maio 06, 2014 8:57 pm

avatar
Bruxas
Bruxas

Mensagens : 46
Data de inscrição : 10/04/2014
Idade : 21

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

A esperança não murcha, ela não cansa, também como ela não sucumbe a crença. Vão-se sonhos nas asas da descrença, voltam sonhos nas asas da esperança.

Primeiro dia :3


Um alto suspiro escapou dos lábios de Amélia ao ver Bree entrando no auditório lotado. Ao menos ela e os outros professores tinham terminado as apresentações.
A diretora poderia afirmar que estava feliz com a presença da filha na escola, por muito tempo preocupou-se com a segurança da menina, muito parecida consigo quando se tratava da aparência. Bree não entendia que o único motivo que fez com que ela se ausentasse da vida da única filha tinha sido para a segurança da mesma.
Amélia era conhecida pelos Caçadores, já tinha se livrado de inúmeros, já que ela não deveria matar uma criatura viva. Era errado e cruel, um anjo nunca poderia fazer aquilo. E também tinha Aaron. Amélia amava o marido, assim como amava sua filha. Ambos eram importantes demais para a loira, ela não sabia como um reagiria na presença do outro.
Olhou para a filha, que parecia mais concentrada em olhar os rapazes do que falar com a própria mãe.
- Bree, por favor. - pediu à menina.





"E se um dia nossas ideias tivessem vida própria? E se um dia nossos sonhos não precisassem mais de nós? Quando isso for verdade, o tempo estará acima de nós. O tempo dos anjos."

Mensagem por Abigail em Qui Maio 08, 2014 10:50 pm

avatar
Corpo Docente.
Corpo Docente.

Mensagens : 82
Data de inscrição : 08/04/2014

Ver perfil do usuário http://norfoyacademy.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Rebecca pulou do colo de Gregory, jogando-se em cima de Alaska, sua melhor amiga desde que tinha entrado na escola. Em seguida, chegou Kyle, murmurando algo sobre Caçadores. Mas Rebecca não estava mais prestando atenção, seus olhos pousaram na figura que atravessava os portões, um sorriso irônico tomou conta do rosto de Rebecca.
Ela lembrava com exatidão o seu encontro com o estranho, o garoto que a levou para o beco em que tinha sido morta. Ele só não esperava que ela soubesse se defender.
De qualquer maneira, continuou olhando para o garoto, mesmo ele não tendo a notado primeiramente. Voltou a subir nas costas de Gregory e ouvia o que os amigos diziam, até uma garota nova entrar no lugar, chamando Amélia de mãe. Algo realmente surpreendente. Mais o que ela não gostou foi o olhar que ela dirigiu a Gregory. Alaska também não gostaria nada daquilo.
- Hum, já volto.
Rebecca caminhou sem rumo por entre os estudantes, cumprimentando alguns conhecidos e sorrindo educadamente para os novos.
Aproximou-se o suficiente do garoto para sentir o cheiro de sangue, sangue fresco. Que não era dele e nem da garota que o acompanhava.
Em passos rápidos, aproximou-se dele, colocando os braços na cintura e encarando-o séria.
- Quem você matou?

Mensagem por Rebecca Webb Foster em Qui Maio 08, 2014 11:28 pm

avatar
Vampiros
Vampiros

Mensagens : 13
Data de inscrição : 15/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Can you feel? What? The Infinite...


Havia chegado naquela escola onde minha nova vida iria começar, mas não tinha ideia do que encontraria ali como outros lobisomens, talvez híbridos e os vampiros que eu não tinha nenhuma simpatia mesmo que agora eu seja parte vampiro. Tinha que me aceitar como era agora, mas como me aceitar de um beta braço direito de um bando de lobisomens para um híbrido parte vampiro que era as criaturas que mais odiava por algum motivo arcaico e por precaução de quem eu gostava.

Sempre soube que vampiros eram insensíveis e sanguinários sem se preocupar com as outras pessoas, mas e agora? Sou assim, literalmente dependo de sangue agora e se eu não me controlar e me tornar um estripador que era como uma vez me tornei como lobisomem, mas tinha quem me salvar do fundo do poço e agora não tinha nada. Me peguei na caçada em frente à escola olhando para meu punho fechado e pensando em mil tretas sendo que nem sabia como tinha saído do carro e se as mulheres já tinha entrado na escola.

Andei rumo a entrada da escola tentando escutar algo mais importante que abelhas em flores ou aves no céu que deveriam ser urubus ou abutres mesmo porque nem tinha certeza se estava limpo de sangue da luta contra as mulheres e depois pela minha alimentação como vampiro. Não me importava minhas roupas, minha aparência, afinal já tinha perdido minha vida duas vezes literalmente, o que mais eu poderia perder agora estando no meio de desconhecidos monstros e criaturas que provavelmente nem sequer conheço.

Passei a escutar vozes sobre a história da escola ou algo assim e tento correr para escutar melhor as vozes e chegar a fonte, mas estranhamente já estava dentro do auditório ouvindo tudo melhor por ver e ouvir no local original de onde vinham as vozes. Olhei para baixo porque aquilo ainda era novo para mim e realmente queria algum manual de ser híbrido, porque essas descobertas sozinho estavam ficando estranhas e perigosas, mas me foquei na audição e torno a olhar para as pessoas no palco e ouvir o que tinham de dizer sobre a união de espécies e proteção contra caçadores.

Aquilo que eu tinha como experiência de lobisomem era meio inútil como híbrido porque as minhas necessidades mudaram, meus poderes aumentaram e tenho alguns novos também, e ficar no meio da porta não me ajudaria em nada a começar a minha adaptação ao que aquela escola me proporcionasse futuramente. Andei em frente e fiquei mais afastado da porta, mas ainda assim sem ficar muito próximo por não querer chamar a atenção desnecessária para mim.


Thanks Lari @ CG

Mensagem por Nate H. Argent em Sex Maio 09, 2014 1:05 am

avatar
Híbridos
Híbridos

Mensagens : 6
Data de inscrição : 11/04/2014
Idade : 27

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Die Slow!
Broken glass, your fake reflection!


O tédio só me dominava, cada vez mais, passei as mãos pelos meus cabelos um tanto bagunçados suspirando enquanto revirava os olhos ouvindo o que a 'bruxa' estava dizendo, olhei pra ela que não parava de falar:
- E você acha que eu conto quantas pessoas eu mato por dia?
Aproximei minhas mãos do rosto dela, lentamente, presta a toca-la fui interrompido por uma voz, que não era tão estranha, sabia que já tinha ouvido em algum lugar. Me virei e então a garota morena que eu nem sequer sabia seu nome estava ao meu lado, com as mãos na cintura, sua voz saiu um tanto irônica, sorri ignorando, revirei os olhos a respondendo:
- Quem é você?
Suspirei a encarando, alternando entre ela e a loira que nos olhava sem estar entendendo o que estava acontecendo ali.

Mensagem por Will Lannister em Sex Maio 09, 2014 1:46 am

avatar
Demônios
Demônios

Mensagens : 9
Data de inscrição : 26/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

O modo como o garoto levava as coisas irritou profundamente a morena. Ela já começava a se arrepender de ter lhe dito sobre o Norfoy. Um garoto como ele nunca conseguiria ficar em um lugar como aquele.
- Eu sou Rebecca. E você não deve matar as pessoas aqui dentro. - respondeu, desviando seu olhar do demônio e fixando-o na loira que o acompanhava.
Franziu o cenho, desviando o olhar e voltando a encará-lo, séria.

Mensagem por Rebecca Webb Foster em Sex Maio 09, 2014 1:52 am

avatar
Vampiros
Vampiros

Mensagens : 13
Data de inscrição : 15/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.


I'm not crazy, I'm just a little unwell. And I know, right know you don't care. But stay while and then maybe you see...
             

I'm not crazy

Vendo a garota chegar e que já não estava mais na conversa, senti que não deveria estar ali. Também percebi que o tédio do garoto era enorme e já estava falando tanto que ele visivelmente não me queria de seu lado. Tive que me despedir.
- Bom, resolvam ai seus problemas, acho que devo ir. Até.
Sai de perto e sentei em um banco do auditório, brincando com o colar que eu usava, mais entediada do que qualquer um dali.

Onde: Auditório Com: Ninguém Ouvindo: Nada

                     

Mensagem por Evalyn B. Wheeler em Sex Maio 09, 2014 4:45 pm

avatar
Bruxas
Bruxas

Mensagens : 46
Data de inscrição : 10/04/2014
Idade : 21

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.


Lies, don't wanna know, don't wanna know oh. I can't let you go, can't let you go oh. I just want it to be perfect to believe it's all been worth the fight. Lies, don't wanna know, don't wanna know oh
             

I just want it to be perfect…

Todas e quais queres palavras que entravam por um ouvido, saiam no mesmo momento pelo outro.
Isso eu costumava fazer quando meus malditos instintos estavam mais do que aguçados.
Era meu primeiro ano em Norfoy. O primeiro dia de uma nova vida. Para aprender a ser quem eu realmente sou, a me controlar e conhecer mais pessoas como eu. Isso era bom, a certo ponto, mas era ruim, pois eu mal sabia como lidar no meio de uma sociedade, por mais que fosse tão sobrenatural quanto eu.
A belíssima Amélia abrira um discurso junto com os demais membros do corpo docente de Norfoy. Aquilo era bom, mas até que me assustava um pouco.
Tive a impressão de estar parecendo um cãozinho amedrontado longe da mamãe. Tentei o máximo que pude relaxar e me soltar. Encarar pessoas e tentar novas amizades. Era apenas isso que eu deveria fazer.
Havia muitas pessoas felizes por ali, algumas já se conheciam e os grupinhos já estavam se formando. Uma pitada de medo invadiu meus sentimentos, medo de ficar sozinha e não ser aceita no meio de mais uma sociedade.
A maior vontade de meus pais era que eu ficasse aqui na academia e me desse bem em tudo. Eu realizaria esse desejo deles. Com certeza eu daria o melhor de mim para isso.
Havia casais e amigos espalhados pelos espaços a minha volta. Eu estava sozinha.
Trajando um jeans preto surrado, uma camiseta rasgada com estampa revolucionária e rebelde,  tênis sujos e meio desamarrados, uma bolsa pendia ao lado de meu corpo com alguns papeis, chicletes, cartões e etc, minha mala ao meu lado, onde eu apoiava minha mão esquerda.
Norfoy lotada de garotos bonitos e meninas lindas, minha atração por ambos os sexos não deixava nada passar.
Sorri com um pensamento bobo que não deveria passar em minha cabeça e balanceia um pouco, como se tentasse me livrar de algo preso nela.
Olhei ao redor, observando cada par de olhos e pairando os meus sobre os mais atraentes.
Puxei um pequeno espelho e meu batom vermelho favorito, retocando-o com batidinhas, ignorando alguns olhares de reprovação por eu não estar prestando atenção na provável baboseira que saia da boca dos membros do corpo docente.
Inspirei e expirei, olhei-os fixamente e tentei concentrar-me nas seguintes palavras para pelo menos entender um pouco.
Aguardei para poder me enfurnar logo em um dormitório do local para sair apenas nos horários de aula, o medo de não ser aceita novamente invadindo meus sentimentos.

Sim, eu acho que as mudanças constantes de humor e sentimentos são muito normais para minha espécie.
Menti-me em silêncio, penas no aguardo.

Onde: Norfoy Academy Com: Alone Ouvindo: Kill me - TPR

                     

Mensagem por Leah W. Volcius em Sex Maio 09, 2014 6:15 pm

avatar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 7
Data de inscrição : 15/04/2014
Idade : 24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.





"E se um dia nossas ideias tivessem vida própria? E se um dia nossos sonhos não precisassem mais de nós? Quando isso for verdade, o tempo estará acima de nós. O tempo dos anjos."

Mensagem por Abigail em Sex Maio 09, 2014 7:00 pm

avatar
Corpo Docente.
Corpo Docente.

Mensagens : 82
Data de inscrição : 08/04/2014

Ver perfil do usuário http://norfoyacademy.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.





De Volta
Para Casa

Após a apresentação dos professores, finalmente ficamos liberados para confraternizar com o restante dos alunos e novatos...não que eu fosse do tipo que faz isso, mas no momento aquilo até que poderia ser uma boa oportunidade, já que depois do olhar que havia lançado para a suposta filha de Amélia, Alaska provavelmente iria querer arrancar meus olhos do jeito mais doloroso possível.

Aproveitei o momento em que Rebecca se afastou do grupo e fiz o mesmo,só que para o lado contrário. Podia ouvir o zumbido de conversas vindo de todos os lados, a sorte era que aquilo não me incomodava mais. Observei também alguns novatos, uns já pareciam bem enturmados,outros nem tanto, mas foi uma garota que me chamou a atenção e não é da beleza dela que estou falando. Ela parecia um pouco acanhada,perdida naquela multidão e de certa forma aquilo me lembrou do meu primeiro dia na Academia. Respirei fundo,tomando coragem para me aproximar, então comecei a caminhar a passos firmes até a moça.Tive que pigarrar duas vezes para chamar a atenção dela,assim que a obtive dei meu melhor sorriso e estendi a mão para a garota - Hey,você é novata aqui,né? Prazer, sou Gregory,mas pode me chamar de Greg - Passei a mão que estava livre por entre os cabelos e suspirei,decidindo logo ir logo ao ponto - Olha,desculpa se estou indo rápido de mais,mas queria saber... - Dei uma pausa,tentando encontrar as palavras certas - De que raça você é?


✖ tks, clumsy!

Mensagem por Gregory D. Pallas em Sex Maio 09, 2014 8:26 pm

avatar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 13
Data de inscrição : 16/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.


Lies, don't wanna know, don't wanna know oh. I can't let you go, can't let you go oh. I just want it to be perfect to believe it's all been worth the fight. Lies, don't wanna know, don't wanna know oh
             

I just want it to be perfect…

Toda a barulheira de pessoas confraternizando, me deixava um pouco perdida em meus sentidos. A única coisa que me fazia continuar de pé ali, era o desejo de orgulhar meus queridos pais.
Um garoto se aproximou, notei seus olhos claros encontrando os meus, sorri um pouco e deixei-o se aproximar.
- Hey,você é novata aqui, né? - Ele começou a dizer, e sem quase nenhuma pausa continuou falando. - Prazer, sou Gregory, mas pode me chamar de Greg - O garoto passou uma das mãos pelos cabelos, enquanto eu arqueava as sobrancelhas, esperando o momento certo para dizer alguma coisa. -  Olha, desculpa se estou indo rápido de mais,mas queria saber... - Eu podia ver as engrenagens de seu cérebro funcionando para achar palavras para expressar o que queria dizer. - De que raça você é?
Antes que ele pudesse dizer qualquer outra coisa, eu pigarreei e comecei a falar.
- Lobos. - Respondi quase que rispidamente. - Me chamo Leah... Leah Wolve. Você pode me chamar como quiser desde que não zombe de minha raça, como "cadelinha", "cachorrinha" - Disse gesticulando aspas. - E coisas do tipo. Não é nada agradável. - Minha garganta coçou e eu pigarreei novamente antes de dizer as próximas palavras. - Prazer em conhecê-lo, Greg. - Sorri de um modo agradável e estendi minha mão, esperando que ele a apertasse, como pessoas normais costumam fazer.

Onde: Norfoy Academy Com: Alone Ouvindo: Kill me - TPR

                     

Mensagem por Leah W. Volcius em Sex Maio 09, 2014 8:37 pm

avatar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 7
Data de inscrição : 15/04/2014
Idade : 24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Início do Ano Letivo.

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum